Área restrita para imobiliárias

login

Notícias

O que esperar do mercado imobiliário em 2021? 

  • Imobiliário Paraná
  • 16 de dez. de 2020
O que esperar do mercado imobiliário em 2021? 

Quando 2020 começou as projeções para o segmento imobiliário não poderiam ser melhores: havia uma expectativa de retomada do crescimento  econômico, que poderia reaquecer o setor ao longo do ano.

A COVID-19 pegou a todos de surpresa e exigiu a necessidade de se reinventar. Foi preciso incorporar ao cotidiano medidas de distanciamento, higiene e a tecnologia que mantém quem quer vender, comprar e investir conectado.

No entanto, nem todas as notícias foram ruins no mercado imobiliário em 2020. Houve um aumento de 10,5% nas unidades vendidas no primeiro trimestre do ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados são da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc).

Em Umuarama, outubro bateu recorde na aprovação de projetos nos últimos dez anos, com a liberação de 46.591,24 m² de obras, que estão movimentando o setor de construção civil.

 De acordo com a Prefeitura Municipal, apesar da pandemia de coronavírus – que afetou seriamente a economia a partir de março –, Umuarama somava entre janeiro e outubro, mais de 228,8 mil m² em projetos aprovados.

O desempenho positivo do setor contribuiu para a cidade se destacar no estudo “Melhores Cidades para Fazer Negócios”, feito pela Consultoria Urban Systemns.

A pesquisa avalia dados e indicadores de cidades com mais de 100 mil habitantes. O mercado imobiliário da Capital da Amizade colocou Umuarama na 86ª posição entre as melhores cidades para investimento.

"A aprovação mensal de projetos para obras vem batendo recordes de muitos anos, apesar dos efeitos da pandemia. Esse crescimento atrai os olhos dos investidores de vários segmentos do comércio, indústria e serviços, e com isso mais gente vem morar na cidade, movimentando o mercado imobiliário", destacou o prefeito Celso Pozzobom, na divulgação do índice, no início de dezembro.

Próximos passos.

Para o ano que vem já temos ótimas notícias. O aumento na oferta de crédito, com juros mais baixos promete movimentar a retomada do setor. A baixa da taxa Selic  – um índice que influencia todas as taxas de juros praticadas no país – é um atrativo, principalmente para quem pretende investir.

A perspectiva para 2021 é que o crescimento esperado para 2020 seja visto ao longo do ano.

Mudanças

Algumas lições que aprendemos durante a pandemia devem perdurar, quando ela acabar. Entre elas a valorização do imóvel como investimento seguro, novas opções de crédito, desburocratização dos processos, adoção de novas tecnologias para aproximar compradores e vendedores.

Não importa os rumos que o segmento imobiliário deve tomar. Em 2021, as melhores oportunidades em negócios você continuará vendo aqui, no Imobiliário Paraná!

Buscar

Faça uma pesquisa mais detalhada neste campo de pesquisa abaixo!