Área restrita para imobiliárias

login

Novo sistema de financiamento imobiliário lançado pela Caixa deve aquecer o mercado

  • Heloiza Vieira
  • 3 de set de 2019
Novo sistema de financiamento imobiliário  lançado pela Caixa deve aquecer o mercado

A indústria da construção civil deve ser estimulada com o novo sistema de financiamento imobiliário, apresentado no final de agosto pela Caixa Econômica Federal (CEF). A expectativa de imobiliaristas, construtores e incorporadores é de que projetos de imóveis residenciais, até então parados em razão da falta de confiança dos empresários, devem ser retomados nos próximos meses.

Segundo dados do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), 78% de todo o crédito imobiliário disponível no Brasil é disponibilizado pela Caixa Econômica Federal. O anúncio de que a instituição financeira vai trabalhar com um novo formato de financiamento para imóveis residenciais, além de garantir mais segurança para o empresário e para o consumidor investirem, vai movimentar o mercado e aumentar o número de postos de trabalho.

Novo modelo

A Caixa Econômica Federal lançou, no último dia 20 de agosto, a linha de financiamento habitacional com atualização do saldo devedor pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo). A contratação de crédito imobiliário com índice de preços foi regulamentada pelo CMN (Conselho Monetário Nacional) e seu enquadramento foi ampliado para os financiamentos de imóveis residenciais no SFH, além do SFI (Sistema Financeiro Imobiliário).

A taxa mínima para imóveis residenciais enquadrados nos SFH e SFI será de IPCA+2,95% ao ano (a.a.) e taxa máxima será de IPCA+4,95% ao ano. As taxas valem para novos contratos e estão vigentes desde o dia 26 de agosto. Os contratos de financiamento habitacional com atualização pelo indexador IPCA seguirão as seguintes condições: prazo máximo de 360 meses e quota máxima de financiamento de 80%.

A decisão quanto à aplicação da correção será do cliente. A Caixa oferecerá o crédito imobiliário corrigido pelo IPCA ou pela TR (Taxa Referencial). As simulações, informa a Caixa, já podem ser realizadas no site do banco, onde o cliente pode comparar os juros e condições para o financiamento. As novas taxas variam de acordo com o nível de relacionamento do cliente.

Buscar

Faça uma pesquisa mais detalhada neste campo de pesquisa abaixo!

Favoritos (0)